Apresentação

O que é a Supervisão Clínica em Enfermagem?

No âmbito da Enfermagem a Supervisão Clínica é uma área emergente, assumindo destaque como estratégia e instrumento ao serviço do desenvolvimento profissional individual e coletivo dos profissionais.

O potencial da Supervisão clínica em Enfermagem tem aplicabilidade ao nível de momentos distintos do desenvolvimento dos enfermeiros desde o início da formação inicial e percorrendo diferentes fases da prática profissional seja em momentos formais seja ao longo do desempenho profissional quotidiano pautado pela informalidade.

 

O curso de Pós-graduação.

É neste contexto que a ESEL, dando resposta ao desígnio de diversificação da sua oferta formativa, procede à abertura da 1ª edição da Pós-graduação em Supervisão Clínica em Enfermagem, com a finalidade de promover o desenvolvimento de competências de Supervisão Clínica em profissionais de Enfermagem, alinhadas com o referencial orientador da Ordem dos Enfermeiros nesta área.

O início deste curso, que se processará num modelo de B-Learning, está previsto para o mês de janeiro de 2022.

Contribuindo para a finalidade do desenvolvimento de competências se Supervisão Clínica em Enfermagem, estabelecem-se como Objetivos Gerais:

• Problematizar os processos de Supervisão Clínica como estratégias de desenvolvimento pessoal, profissional e organizacional.
• Articular estratégias de supervisão clínica com a promoção da qualidade, da segurança e de inovação na prática de cuidados.
• Identificar e mobilizar diferentes conceções e estratégias em processos supervisivos.
• Argumentar a dimensão relacional interpessoal como uma componente central em Supervisão clínica.
• Contribuir para a construção do conhecimento em supervisão clínica e em enfermagem através da reflexão e da investigação.

 

O que é o B-Learning?

O B-Learning, ou Blended-Learning, é um modelo misto de formação que inclui quer aulas, ditas “clássicas”, de natureza presencial, quer momentos de aprendizagem não presenciais síncronos ou assíncronos, recorrendo ao uso de plataformas eletrónicas. É uma tendência de evolução futura na área do ensino e da aprendizagem, e surgiu fruto do desenvolvimento das tecnologias da informação, potenciadas pela atual situação pandémica.

As características mais vantajosas do B-Learning estão relacionadas com a possibilidade de proporcionar uma formação mais flexível e individualizada, e a possibilidade de comunicar e partilhar informação eficazmente sem depender da uma simultaneidade no espaço-tempo dos diferentes intervenientes.

O curso de Pós Graduação em Supervisão Clínica em Enfermagem da ESEL, apresenta-se como uma novidade nesta área em Portugal, com cerca de 25% das horas de contacto, distribuídas pelos diferentes módulos da formação, a processarem-se através de sessões à distância. A multiplicidade de estratégias pedagógicas enquadradas no conceito de B-Learning poderá gerar novas dinâmicas formativas, que se traduzam numa maior recetividade por parte dos estudantes, com consequências sobre a sua motivação e desempenho.