Questões frequentes

1. Quem Pode Utilizar os Serviços do GAPE?
Qualquer estudante formalmente matriculado na ESEL e que frequente o 1º ciclo (Licenciatura) ou o 2º ciclo (Mestrado).
 

2. Em que Circunstâncias é que Poderei vir a Necessitar do Apoio do GAPE?
São várias as situações pelas quais poderá sentir necessidade de procurar este Gabinete. 
Por dificuldades ou problemas de natureza pedagógica, como por exemplo baixo rendimento escolar, dificuldades na gestão dos tempos de estudo, dificuldades na seleção de métodos de estudo ou na tomada de decisões em relação à avaliação, problemas em ensino clínico, entre outras questões de nível pedagógico. 
Por dificuldades ou problemas de natureza psicológica, como por exemplo ansiedade exagerada às avaliações ou em falar em público nas apresentações dos trabalhos, preocupações com o futuro sucesso profissional; fobias e ataques de pânico; depressão; cansaço/ desgaste físico ou psíquico, problemas emocionais associados a situações experienciadas em Ensinos Clínicos; dificuldades de adaptação ao ensino superior (afastamento de casa da família de origem, dificuldades de integração), dificuldades de relacionamento interpessoal, nomeadamente com colegas ou familiares, suscetíveis de perturbar o desempenho académico.
 

3. Como Posso Aceder ao GAPE?
Fazendo o registo do seu pedido, através do preenchimento do formulário on-line.
 

4. O Serviço é Pago?
O acompanhamento pedagógico é gratuito.
O acompanhamento psicológico implica o pagamento de um emolumento de 5 euros para os estudantes do 1º ciclo e de 20 euros para os do 2º ciclo, com exceção da sessão de rastreio (1ª consulta) que é gratuita.
Os estudantes bolseiros estão isentos de pagamento.
Após a marcação das sessões, se o estudante não puder comparecer deverá cancelar com a antecedência de 48 horas, caso contrário a consulta poderá ser-lhe cobrada na ausência de comprovativo que justifique a ausência. 
 

5. Qual o Grau de Confidencialidade Sobre a Minha Frequência do GAPE?
O aconselhamento psicológico funciona de acordo com as normas deontológicas e éticas estipuladas pela Ordem dos Psicólogos, nomeadamente no que diz respeito à garantia de confidencialidade. No que diz respeito ao aconselhamento pedagógico está igualmente garantida a confidencialidade relativamente ao apoio e acompanhamento realizado.
 

O menu com o link para o formulário de marcação só ficará visível após iniciar sessão no Portal.